Dúvidas freqüentes – Canetas para retroprojetor

 
 

Qual a finalidade da Caneta para Retroprojetor?

A caneta para Retroprojetor pode ser utilizada em plásticos, papéis, vidro e madeira, porém devemos alertar que em superfícies não porosas a marcação não é permanente, poderá sair com álcool, atrito intenso e exposições prolongadas ao sol e chuva.

 

Existem metais pesados na composição do retroprojetor?

Os marcadores retroprojetor, assim como todos os outros produtos da Faber-Castell, não possuem metais pesados.  A empresa atende às normas nacionais, européias e americanas que garantem que o consumidor não seja exposto à essas substâncias.

 

Como fazer a remoção de Caneta de Retroprojetor de transparências?

 A remoção da tinta pode ser feita com algodão ou cotonete embebido em álcool.

 

As marcações das canetas para retroprojetor desaparecem  em contato com a luz do sol?

As canetas para retroprojetor são compostas de resinas, solventes e corantes. Os corantes não têm resistência aos raios ultravioleta, ou seja, se a área escrita com tinta à base de corante for exposta ao sol, ocorrerá o desbotamento ou a perda da cor. Para os documentos que ficam expostos ao sol, a Faber-Castell recomenda as canetas à base de pigmentos, do tipo valvuladas (Valve System) e facilmente encontradas em lojas de artigos importados.

 

A tinta da caneta para Retroprojetor é permanente?

Não.  A tinta da caneta para Retroprojetor  a depender da superfície pode sair com álcool, atrito intenso e com a ação do tempo.

 

 
© 1761-2016 Faber-Castell | Última Atualização: 19.10.2012